26 de junho de 2014

18 anos, vestibular e outras coisas...

     

       Oi galera! Quem tá no comando desse post é a Karla. Lembram que no primeiro post eu comentei sobre a tal correria que seria a minha vida e a do Matheus daqui pra frente? Então, vim falar um pouquinho dessa fase que eu tô considerando uma loucura.

       São os famosos 18 anos que muitos desejam ter, e poucos sabem lidar. Eu mesma estou inclusa nessa rs. São tantas decisões, caminhos que podem não ter volta, como por exemplo a faculdade. Algo que eu sou constantemente cobrada pelo meu pai. 'Qual profissão quero seguir?' 'Isso vai ter futuro?' e o principal 'Serei feliz com essa escolha?' são perguntas que estão frequentemente pesando no meu consciente, e acredito que no de muitos de vocês também. E daí vai passando pela cabeça, o que eu mais gosto de fazer que pode se tornar a minha profissão. Eu sempre gostei de viajar e fazer roteiros, ir pra lugares novos, conhecer culturas e pessoas diferentes. Fui pesquisar um pouco sobre essa extensa área profissional e cheguei a conclusão de que quero ser Turismóloga. O nome já da uma dica do que quero pro meu futuro né? rs. Meu pai não está muito contente com essa escolha, porque ele diz que não dá futuro e não vou poder ao menos me sustentar com o que irei ganhar. Mas será mesmo esse o estereótipo para entrar em uma faculdade... 'Visar o curso que irei obter mais lucros?'


       Devemos sempre pensar no que vai nos fazer feliz, acima de qualquer circunstância. A minha linha de pensamento é a seguinte: 'Se eu faço o que eu gosto, vou fazer bem feito e vou ter uma outra visão no mercado de trabalho'. O que eu quero dizer é que nem sempre quem escolhe a profissão visando os lucros, pode ter o retorno que pensou que teria ou até mesmo pode ser uma pessoa feliz na vida. E nessa jornada, boa parte dela, você gastou em vão. O importante é pensar bem, pesquisar muito e o principal, fazer suas escolhas com o coração leve e consciência tranquila. Afinal, boa parte da sua vida irá ser dedicada a isso.


       Pra quem tem dúvidas de qual profissão seguir, ou já escolheu e quer ter certeza se é isso mesmo, vou indicar um site que dá aquela ajudinha na hora de escolher uma profissão: http://www.girodeprofissoes.com.br/teste-vocacional 


       E agora, vem aquela parte do 'se dedicar para entrar em uma faculdade' na qual chamamos de Vestibular. Muita gente opta por fazer cursos preparatórios, seja em instituições, escolas ou online; e eu optei por iniciar os meus estudos em casa mesmo com a ajuda de uma amiga maravilhosa (Eloá ❤️), que é amiga minha em comum com o Matheus. Ela nos dá um apoio enorme em relação a estudos e sempre da aquela ajuda caso tenhamos alguma dúvida.


       O que eu aconselho é procurar aqueles amigos camaradas mesmo, se juntar na casa de alguém e formar um grupo de estudos. Mas se dediquem pra isso, folhear cadernos e apostilas, e depois ir zoar com os amigos vai ser em vão. Hoje em dia, existem muitos sites que te ajudam a passar em uma boa faculdade sem custo nenhum, eles fornecem apostilas, vídeos aula e muito material suporte para conseguir passar em um vestibular. Vou passar alguns que eu estou usando como apoio, e super recomendo:




       Também indico dois aplicativos, pra quem não desgruda do celular como eu. Se chamam 'Ligado no Enem' e 'Questões Enem'. A diferença dos dois é que um é aplicativo de vídeo aula e o outro (que eu particularmente adoro) são questões de várias matérias.


       Está aí todo o suporte para essa loucura que chamam de 'fase dos 18'. Tudo vai depender de como você se dedica para entrar em uma boa faculdade. Boa sorte e bons estudos, encontro vocês nos corredores da USP!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Olá querido leitor/leitora! Obrigada por vir comentar no meu cantinho, fico muito feliz com a sua visita. Se você também tem um blog, deixe o link dele aqui que eu irei retribuir a visita com o maior prazer. Beijinhos ❤